Catedral de Munique

Catedral de Munique

Construída sobre os restos de uma antiga basílica romana entre 1468 e 1525, a Catedral de Nossa Senhora de Munique é a maior igreja de Munique e um dos maiores edifícios góticos da Alemanha.

Seu  nome em alemão é Dom zu Unserer Lieben Frau e ela também é conhecida como Frauenkirche.

Sobre a catedral

O exterior da catedral foi construído com tijolo vermelho, dando ao templo um aspecto simples. Anos mais tarde foram construídas duas torres cobertas por peculiares cúpulas verdes.

A maior parte do interior do templo ficou destruída durante a Segunda Guerra Mundial, por isso é bastante simples, mas ainda se conservam alguns tesouros como o altar de São André, alguns vitrais e a tumba do imperador Luís IV da Baviera.

Um dos detalhes mais chamativos no interior é a “Pegada do Diabo”, uma pegada que, segundo a lenda, foi deixada pelo diabo durante sua apressada fuga quando descobriu que tinha sido enganado pelo construtor do templo.

Uma catedral pouco presuntuosa

A Catedral de Munique é um templo mais simples do que se poderia imaginar, tanto do exterior quanto no interior. Apesar disso, como é a catedral da cidade e está localizada em pleno centro, sua visita é praticamente obrigatória. 

Horário

Todos os dias, das 07:30 às 20:30 horas (exceto durante os serviços).

Transporte

Metrô: Marienplatz, linhas U3 e U6.
Trens urbanos: linhas S1, S2, S3, S4, S6, S7, S8, S27, SP1 e SP2.
Ônibus: linha 52.